Justo hoje!

Conhecido por fazer comédias que por vezes beiram o absurdo, e sempre hilárias, o grupo Antropofocus resolveu comemorar a maioridade com uma peça um pouco diferente. Justo Hoje, que estreia nesta quarta, também é cômica, mas um tanto mais reflexiva.

“Nem mesmo uma tragédia parece capaz de tirar as pessoas do torpor que as impede de ver o outro com mais humanidade. Não foi fácil chegar no texto final”, comenta Andrei Moscheto, diretor fundador da companhia, que assina a autoria do texto junto com Anne Celli e Bruno Lops.

“Estávamos em um caminho. Mas, de repente, a realidade veio com tudo e a criação deu uma guinada forte e meio inesperada. Chegamos na questão da humanidade, ou melhor, na falta dela, pois parece que nem uma tragédia acontecendo diante dos nossos olhos é capaz de nos fazer agir”, pondera ele.

Moscheto diz que as pessoas retratadas no palco, apesar da falta de empatia, não são absolutamente más. São pessoas normais. “Se fossem o lixo da humanidade seria até mais fácil. Mas, não. Somos nós ali também que, protegidos pelo conforto do lar, não damos conta das tragédias que vão se tornando corriqueiras”, pondera.

Para o Antropofocus, Justo Hoje! é uma declaração do quanto “nós, seres humanos, estamos perdidos”. “E sobre o quanto somos estúpidos por estarmos passando por isso tudo. Pessoas comuns com um comportamento patético para mostrar o patético que existe em todos nós”, completa o diretor.

FICHA TÉCNICA

Atores-Criadores: Anne Celli, Andrei Moscheto, Edran Mariano e Marcelo Rodrigues
Voz em Off: Luiz Carlos Pazello
Dramaturgia: Anne Celli, Andrei Moscheto e Bruno Lops
Direção: Andrei Moscheto
Realização: Antropofocus

SERVIÇO

O quê: Justo Hoje!, com o Grupo Antropofocus.
Quando: de 13 a 24/11/2019. De quarta a sexta-feira às 20h. Aos sábados às 18 e 20h e aos domingos às 19h.
Local: Teatro Zé Maria (R. Treze de Maio, 655)
Quanto: R$20 e R$10 (meia-entrada). Vendas de ingresso: Ticket Fácil – http://www.ticketfacil.com.br/eventos/cctg-justo-hoje.aspx ou na bilheteria do teatro Guaíra.
Informações: 3304-7953.

Projeto realizado com o apoio do Programa de Apoio de Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba, com incentivo do EBANX.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *