Histórias de uma Curitiba Plural

O preconceito tem que acabar

Algumas pessoas não suportam ver sangue, basta um cortinho no dedo e UUUUI, dão faniquitos, perdem a cor, desmaiam.
A hemofobia é, sem dúvida, dos maiores flagelos da contemporaneidade.
Diga NÃO à hemofobia.

#todos_contra_a_hemofobia
#discriminaçãonão

Maurício Popija

O inventor do pas de deux solo. Nas horas vagas, cultiva pequenas plantas e desafetos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo