Fascículo 36: Carnaval, Oscar e Petra Costa

CARNAVAL: Festa popular que gera muitas despesas ao erário público pela sua grande capacidade de incubar coronavírus nos foliões.

CORONAVÍRUS: Agente infeccioso comunista que será combatido em todo o território nacional à base de coronhadas.

CORONEL MARCOS ROCHA: chefão de Rondônia e censor de literatura.  Seu grande conhecimento da obra de Machado de Assis, do carimbó e da marujada o autorizou a vetar obras deste autores, e de outros mais, em seu estado. O ministro da Economia, Paulo Guedes, sempre em busca de poupar o dinheiro estatal, ficou eufórico com as medidas de Rocha. E deve propor, em breve, ao Congresso que aproveite as queimadas em Rondônia para incinerar textos nefastos aos interesses nacionais. Ver Machado de Assis.

DELICADEZA: Verbete desconhecido.

EDUARDO BOLSONARO: O novo Jô Soares da Corte. Sua habilidade como entrevistador é a de uma Luciana Gimenez em dias pouco inspirados. Por outro lado compensa eventuais deficiências ameaçando seus convidados com uma pistola Taurus.

LUIZ GALEAZZO: Adepto de surubas contratado pelo governo federal para administrar as orgias da SECOM.

MACHADO DE ASSIS: Juntamente com Mário de Andrade, Euclides da Cunha, Rubem Fonseca, Franz Kafka, Caio Fernando Abreu, Carlos Heitor Cony, Ferreira Gullar, Nelson Rodrigues e Edgard Alan Poe, um elemento de alta periculosidade, em especial aos menores de idade e adolescentes. Não é à toa que era conhecido, em sua época áurea no Rio de Janeiro, como o ‘Bruxo do Cosme Velho’. Por essas e por outras ficam evidentes suas raízes ligadas ao satanismo e às práticas de feitiçaria. Portanto é de mister de qualquer administração responsável e cristã banir sua literatura pagã, torpe e esquerdista das escolas de Rondônia e do resto da nação.

MICHELLE BOLSONARO: Uma primeira-dama de peito.

MINISTÉRIO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL: Ministério inexistente cujo ministro foi exonerado.

MINISTÉRIO DA GINECOLOGIA: Futura pasta a ser ocupada pela pastora Damares Alves.

OSCAR: Festa stalinista disfarçada de caucus do Partido Republicano norte-americano.

PETRA COSTA: Pedra no sapato do establishment.

TALITA GALHARDO: Publicitária, socialite, celebridade e gay beard do 02.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *