Só Passei na Prova do DETRAN Porque Molhei a Mão do Fiscal

Anteontem, quando descia a serra do mar para almoçar com os parentes em Caiobá, me atrapalhei numa transição de 4ª pra 5ª e engatei, sem querer, marcha-a-ré, então o carro deu uma corcoveada, resfolegou forte, decolou, deu quatro cambalhotas e pousou as patinhas na pista do outro lado da mureta, onde continuou a andar, só que agora de ré, vindo a concluir, sempre de ré, seu trajeto em Curitiba, de onde partira meia hora antes, pelo que foi abortado o passeio ao litoral.
As minhas mais sentidas desculpas a todos os familiares, em especial à tia Almerinda, que tinha feito arroz-doce pra mim 😢

Maurício Popija

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo