Novo filme de Aly Muritiba dá voz a jovens da periferia de Curitiba

“Nóis por Nóis”, novo filme de Aly Muritiba e Jandir Santin, estreia nesta quinta-feira, 12 de março. O longa-metragem acompanha a vida de jovens da Vila Sabará, comunidade da periferia de Curitiba. Com atores profissionais e amadores, o filme aborda o movimento negro e a cultura periférica do Brasil, incluindo o rap e o hip hop (assista ao trailer abaixo).

A Vila Sabará é a maior ocupação urbana de Curitiba e tem um longo histórico de luta e resistência. A ideia do filme partiu de Jandir Santin, que atuava como educador na comunidade. O foco é retratar o cotidiano de meninas e meninos que tentam sobreviver e criar naquele ambiente adverso.

Depois de falar sobre bullying virtual em “Ferrugem”, Muritiba revisita esse universo com “Nóis por Nóis”, mas com diferentes abordagens. “As questões que atravessam os jovens periféricos são de outra natureza, são mais urgentes e diretas, menos existencialistas e mais físicas. O simples fato de estar no mundo, de se locomover nas ruas, já constitui uma situação de insegurança quando se é preto, pardo ou ‘mina’. É por isso que neste filme os corpos estão nas ruas, ocupando e reivindicando o direito à existência”, explica o diretor.

“Nóis por Nóis” tem distribuição da Olhar.

Ficha técnica:  
2018 | Brasil | DCP| 89 min.
Com Ma Ry (Mari), Matheus Moura (Japa), Maicon Douglas (Gui), Otávio Linhares (Cabo Rocha), Luiz Bertazzo (Nando), Matheus Correa (Café), Stephanie Fernandes (Jana), Felipe Shat (Shat)
Classificação indicativa: a verificar
Sinopse: O Baile rola solto e enquanto o RAP ecoa das caixas de som, quatro amigos vagam pela pista com objetivos bem distintos. O que eles não sabem é que seus destinos estarão selados para sempre após esta noite.

Cristiano Castilho

Cristiano Castilho é jornalista formado pela UFPR e pós-graduado em Jornalismo Literário pela ABJL. É autor do livro "Crônicas da Cidade Inventada e Outras Pequenas Histórias" (Arte & Letra).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo