Chico Buarque lança novo romance, o sexto da carreira

A Companhia das Letras anuncia o lançamento do mais novo romance do escritor, cantor e compositor Chico Buarque. “Essa gente”, sexto romance do autor, chega às livrarias em 14 de novembro e já está disponível para pré-venda.

Com o cenário do Rio de Janeiro colapsando ao redor do protagonista Manuel Duarte, um escritor decadente, Chico trata das violências perpetradas contra “essa gente”: a humilhação dos porteiros, o espancamento do mendigo, o bullying contra o filho de esquerdistas, o alagamento das ruas, os desabamentos de terra…

A obra revela nas entrelinhas as contradições do Brasil bolsonarista. E não se poderia esperar nada diferente. O escritor, que critica abertamente o atual governo, se referiu a não assinatura de Bolsonaro no diploma como “um segundo prêmio Camões.”

“Essa gente” é “o mais áspero e possivelmente o mais enigmático” livro do autor, uma “comédia de costumes tão divertida quanto cruel”, diz Sérgio Rodrigues, que escreveu a orelha da obra.

O livro vem num momento em que Chico está numa disputa pública com o presidente Jair Bolsonaro (PSL). Vencedor do Prêmio Camões, o autor ainda não teve o diploma assinado pelo presidente brasileiro; só o governo português cumpriu com a obrigação até o momento.

Questionado na semana sobre isso, Bolsonaro disse que tem até o fim de um possível segundo mandato para assinar o documento. Chico é desafeto da extrema direita e desprezado pelos adeptos do bolsonarismo.

Em suas redes sociais, Chico respondeu que não ter a assinatura do atual presidente em seu diploma do Camões, o mais importante prêmio literário em língua portuguesa, era um segundo prêmio.

Na Amazon: Essa gente

rocfreitas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo